Uma menina que pedale

uma-menina-que-pedale-02Se puder, procure uma menina que use bicicleta.

Seguramente essa mulher vai preferir poupar com viagens fora da cidade ou excursões de um dia, para comprar sapatos ou roupas novas.

Pode ser talvez que ela não seja muito “chique”, mas atrás desse rosto bronzeado e sardento por todos os dias ao sol, esteja uma mente que pode te levar a muitos lados, e um coração aberto que vai te tomar pelo que você é e não pelo que pode chegar a ser. Provavelmente você vai lhe reconhecer pela mochila que sempre carrega na sua bike. Ela não anda com uma charmosa carteira de dinheiro, mas apenas, seus diários das viagens, suas canetas ou a lanterna que sempre está junto ao fecho de sua mochila.

Em um pequeno bolso, não poderia levar seus livros, os lencinhos umedecidos, o pacote de bolachinhas e a garrafa de água que sempre carrega, em caso de que os planos mudarem e prefirir demorar a volta pra casa?

Pois é, uma menina que viaja, sabe que em num momento qualquer, muitas coisas podem acontecer e ela deve estar pronta. Pra ela nada é surpresa; pois sabe que os câmbios são parte da vida.

Também pode reconhecer uma menina que viaja porque ela sempre fica assombrada do uma-menina-que-pedale-01mundo em seu redor, não lhe importa se está na cidade onde mora ou num local desconhecido. Ela vê beleza ao seu redor, não só desses que estão nos guias de viagens ou nas imagens de um cartão postal.

Uma menina que viaja tem desenvolvido um olhar mais profundo da vida. Não vai te julgar ou pressionar para que você faça coisas que não quiser. Ela respeita demais a identidade e a singularidade, e vai te apreciar ainda mais se você não pretende ser quem não é.

Seguramente você pode cometer erros com uma menina que viaja, e também pode ser tão peculiar como quiser. Confie nisso, ela tem visto coisas muito piores em suas viagens, e conhece de primeira mão os caprichos da natureza humana.

bike fit - publicidade 04

O bom também de uma menina que viaja, é que quando está com ela, vai dar conta que apesar de ter dormido em um hotel de um vilarejo afastado, navegado pelo maior dos rios, passeado pelas ruas das cidades mais importantes ou nadado nua no mar, ainda conserva a humildade, que é a marca de um verdadeiro viajante.

Ela sabe que andou em um monte de lugares, mas também sabe que o mundo é um grande local e que só tem visto uma parte pequena dele. Isto pode fazer sentir-se bem; não necessita fazer mais, nem ser mais. Pra ela alcançar o que você é.

Quando conhecer uma menina que viaja, pergunte lhe onde foi e quais são seus próximos planos. Ela vai apreciar seu interesse e, se tem sorte, pode inclusive convidá-lo a viajar com ela. Se o fizer, aceite. Nada cativa melhor à gente que viajar.

Sair com uma menina que viaja é simples. Ela não vai esperar que você lhe compre presentes caros; pois passar juntos um fim de semana num lugar qualquer vai ser sua felicidade maior.
Pode comprar-lhe algumas coisas pequenas, sim; que ela sempre esquece de comprar: um cadeado para seu bagageiro, um estojo para sua mochila ou talvez um boné pra substituir aquele que ela esqueceu e perdeu em sua última viagem.

A uma menina que viaja não vai lhe importar se você some caminho acima. Sabe que, muitas vezes, a viagem é mais importante que o destino. Vai te ajudar a ver o lado mais leve das coisas e vai caminhar junto, não atrás nem adiante, assinalando as coisas mais interessantes das que verão no caminho.

Em pouco tempo você vai ver que sim; a viagem tem sido mais memorável que o destino ao que você pensou em levá-la.

uma-menina-que-pedale-03

Vale a pena uma menina que viaja, porque quando você a encontrar, não deve deixá-la; não a perca por suas inseguranças e dúvidas. Se ela disse que te ama, é porque realmente ama (é porque viu algo em você, algo poderoso, capaz de fazê-la virar de seu destino de solitária e nômade…). Por fim, ela tem visto tanta coisa, tem conhecido tantas pessoas, que se ela gosta de você; o melhor é tomar a oportunidade e estar contente por essa sorte. E fazê-la sentir-se a salvo, faz que saiba que se importa onde vá, ou o tempo que tenha ido e que sinta a segurança que você sempre estará aí para ela.

Encontre uma menina que viaja. Faça uma declaração. Ame-a e o mundo nunca será igual outra vez.

redator edgardo jorge sanrame
NOME: Edgardo Jorge Sanrame
CIDADE: Córdoba – Argentina
PROFISSÃO: Consultor de Sistemas, Desenhista de peças de aço
ESCREVE SOBRE:  Bicicleta e suas variantes

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *